segunda-feira, 3 de maio de 2010

ME TORNEI PERDÃO!!!


VOCÊ chegou, VOCÊ me sorriu, VOCÊ me trouxe paz...
O tempo passou e a casa que separei pra VOCÊ morar se tornou de pedra...
Cheguei a ouvi que o AMOR endurecia corações...
Descobri que não...
O barro diante do SOL vira pedra...
Enquanto a manteiga derrete...
Tudo depende de como receber o SOL (o AMOR)...
A falta do SOl, trouxe uma grande chuva...
E a frieza surgiu, desfazendo o mais digno de todos os sentimentos...
Orei um PAI nosso dizendo: Perdoa as nossas dívidas, assim como nós perdoamos...
VOCÊ não pôde me perdoar...
Pois o perdão ainda não morava em mim...
Chaves de ódio, mágoas e rancor trancaram o meu coração por dentro...
VOCÊ bateu mas eu não podia TI ouvir...
VOCÊ me chamou mas os meus sentimentos criaram um muro intransponível diante de TI... 
Até lembrar que a SUA morte foi pelo perdão...
Com voz de choro eu TI clamei e lágrimas negras saíram de mim até que a sua cor voltou a tona...
Descobri o AMOR, descobri VOCÊ...
Percebi que ELE ainda não havia morado em mim, porque só pode habitar em casas vazias...
Quanto mais vazio eu estiver de mim, mas cheio eu estarei de VOCÊ...
Me tornei VOCÊ, me tornei AMOR, me tornei PERDÃO!!!!
 

5 comentários:

Mari disse...

Quanto tempo que não passava aqui... tempo que não devia ter perdido para ler todas suas escritas, suas palavras tão cheia de amor de Deus!!!
É chegar aqui, ler e repletir para meus olhos criarem vida própria, meu coração transbordar e minha alma ter paz... é ter a certeza que o 'valer a pena da vida' é realmente viver somente por e pra ELE!

TE AMO!
Saudadessss chataa demais viu?

Beeeeeeeeeijos e um abraçoo beeeem apertado!

Chicas de Fé disse...

me revigorando aqui. bjs

Roseane disse...

'A falta do SOl, trouxe uma grande chuva...'

Obrigada, msmo sem vc saber, suas palavras tem sido SOL nos dias de CHUVA!!!

Saudade já não cabe no peito!!!

Aline Santana disse...

Eba, voltei !! Primeiro Feliz DIAS das mães atrasado para todas as mães abençoadas que visitam este blog, e também para nossas amadas mães!! parabéns árvores frutíferas.
Meu irmão me lembro alguns dias atrás, uma música que fez parte da nossa infância e que em momentos delicados cantávamos juntos, segue um trecho. "Cada vez que a minha fé é provada, tu me das a chance de crescer um pouco mais,.... Minhas provações não são maiores do que meu Deus e não vão me impedir de caminhar...."
Acredito que o PERDÃO é isso, a prova do tamanho da nossa fé. Pedir perdão é ter fé que seremos perdoados em Cristo, e perdoa, é provar que somos iguais, pois erramos, mais ao mesmo tempo somos diferentes, temos cristo em nosso coração, esse é nosso diferencial.

A paz !!!

Lary disse...

Boa noite menino grande...
poxaa.. tem um bom tempo que não passo por aí.. é essa correria...
me perdoaa..
mas tô feliz, feliz por passar aqui hj e ver q vc continua escrevendo divinamente, com amor, com espirito bom.
Muito lindo este poema, de verdade.
Que Deus sempre te abençoe, a vc e a todos que te rodeia.

Bjinhos coloridos, fique bem.
Ei psiu: Ainda te amo viu, vê s não s esquece... srrsrsrs